As pessoas que vivem em plenitude libertam-se por meio da aceitação de si mesmas e tornam-se autênticas e verdadeiras. Somente aquelas que aceitam a si mesmas com alegria podem assumir todos os riscos e as responsabilidades de ser elas mesmas. Tenho de ser eu mesmo!, é palavra de ordem, mas a maioria das pessoas se vê seduzida por usar máscaras e fazer jogos. 

Os velhos mecanismos de defesa do ego são construídos para nos proteger de uma vulnerabilidade maior, no entanto, eles minimizam o impacto da realidade, reduzem nossa visibilidade e diminuem nossa capacidade de viver. 

Ser nós mesmos tem muitas implicações. Significa que somos livres para ter e manifestar nossas emoções, idéias e preferências. As pessoas autênticas têm seus próprios pensamentos, fazem suas próprias escolhas e já ultrapassaram a necessidade insistente da aprovação dos outros. Essas pessoas não vão contra seus princípios por nada. Seus sentimentos, pensamentos e escolhas simplesmente não estão à venda. “Que tu sejas verdadeiro…” é o princípio e o estilo da vida dessas pessoas.

– John Powell

rrrrr#truedectetives #autenticidade #responsabilidade #proposito